fechar
Organização e rotina na infância: o que a criança é capaz de fazer?

Organização e rotina na infância: o que a criança é capaz de fazer?

  • 4 de novembro de 2021
  • Postado por: Toctoctoc

Organização e rotina na infância são importantes para o desenvolvimento físico e mental saudável das crianças. Cabe aos pais ou outros responsáveis estimulá-las a se engajarem nos afazeres do cotidiano familiar. Para isso, eles precisam estar cientes do que os filhos são capazes de fazer de acordo com a faixa etária.

Auxiliar os pais nas tarefas domésticas faz muito bem para os pequenos, pois os ajuda no desenvolvimento de habilidades, na percepção de seus interesses e também na formação de noções de responsabilidade, cuidado e independência.

Arrumar a cama, guardar brinquedos, secar a louça e cuidar do jardim são exemplos de atividades que podem ser atribuídas à garotada, para que, desde cedo, perceba a dinâmica do lar, entendendo que é dever de cada integrante da família trabalhar pela organização.

Ao ajudarem os cuidadores, as crianças também se sentem úteis e parte da família, o que fortalece sua autoestima. Além disso, elas se divertem com os afazeres.

Organização e rotina na infância, entretanto, devem ser ensinadas aos filhos assim que eles tiverem idade suficiente para compreender o conceito. Pais ou outros responsáveis não podem tentar forçar os pequenos a fazerem coisas que ainda não têm idade suficiente para fazer, pois isso só irá frustrá-los.

COORDENAÇÃO

Dos 2 aos 3 anos de idade, as crianças já são capazes de executarem tarefas simples, como guardar brinquedos e calçados, levar roupas sujas para o cesto, limpar pequenas superfícies e ajudar na organização da mesa na hora da refeição.

Tais afazeres auxiliam no desenvolvimento da coordenação motora grossa, do equilíbrio e da agilidade, além de estimularem a organização.

Dos 4 aos 5 anos, a garotada pode começar a arrumar a mochila da escola. Outras tarefas indicadas para essa faixa etária são tirar pó de alguns móveis, organizar itens da casa, regar plantas, ajudar a arrumar o quarto, colocar roupas na máquina de lavar e guardar louças.

Essas atividades estimulam a orientação espacial e a autonomia, além da capacidade de cuidar de outros seres vivos.

RESPONSABILIDADE

Já dos 6 aos 8 anos de idade, os pequenos começam a ter noções de responsabilidade e cuidado, podendo cumprir tarefas como esvaziar o lixo do banheiro, ajudar a estender e tirar roupas do varal, lavar louças, varrer e passar pano em alguns cômodos menores da casa, guardar roupas, organizar armários e ajudar os adultos no preparo de algumas refeições. São tarefas que trabalham a coordenação motora fina e grossa.

E acima dos 8 anos de idade, a criançada consegue desempenhar funções mais complexas, como limpar o próprio quarto, cuidar do bichinho de estimação, preparar lanches, trocar a roupa de cama, ajudar a preparar o jantar e, caso tenha, pode começar a ajudar a cuidar de um irmão mais novo. Tudo isso auxilia na noção de cooperação.

TAREFAS IGUAIS

Importante destacar que meninos e meninas devem receber tarefas iguais. Além disso, é fundamental que esses afazeres sejam monitorados por um adulto, para garantir que sejam executados com segurança.

Os adultos também precisam equilibrar a cobrança. Afinal, é importante que os filhos tenham um mínimo de organização e rotina na infância, seja no seu quarto, com seu material escolar e com a casa como um todo. Os excessos de exigências e de perfeccionismo, no entanto, podem ser prejudiciais.

O ‘Kit Organizando a rotina na infância’ está disponível no portal Toctoctoc – Saúde emocional da família em sua porta.

Deixe um comentário

Seu comentário será moderado antes de ser publicado.

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *