fechar
Organização e rotina na infância: formas de trabalhar

Organização e rotina na infância: formas de trabalhar

  • 28 de outubro de 2021
  • Postado por: Toctoctoc

Ensinar organização e rotina na infância pode ser um grande desafio aos pais ou outros responsáveis, mas é uma missão fundamental para que as crianças desenvolvam habilidades necessárias para a vida. E pode ser uma tarefa muito divertida no contexto familiar.

O primeiro passo que os adultos devem dar nesse sentido é serem exemplos. Afinal, eles são os modelos da garotada e, se deixarem tudo jogado pela casa, de nada vai adiantar cobrarem dos filhos que façam as coisas de modo diferente.

Também cabe aos cuidadores incentivarem as crianças desde cedo a criarem hábitos responsáveis dentro de casa. Nesse sentido, podem ensiná-las a dobrarem suas próprias roupas, arrumar a cama e organizar o armário, entre outros afazeres, de acordo com a as capacidades de cada faixa etária.

Outra função dos pais é ajudar a planejar a organização. Por exemplo, se o objetivo é arrumar a bagunça do quarto, eles podem sugerir que o filho use caixas organizadoras para guardar livros, brinquedos e miudezas. Dessa forma, a tarefa fica bem mais fácil!

É importante, ainda, que os limites estabelecidos sejam bem claros e façam parte da rotina diária da casa. Por isso, os adultos devem determinar horário de dormir dos pequenos, do banho e o tempo para ficar no computador ou jogando videogame por exemplo.

LEITURA

A leitura é um importante recurso para auxiliar pais ou outros responsáveis na missão de ensinar aos filhos organização e rotina na infância.

O livro ‘Josefino e o uso da rotina na busca de afeto e atenção parental’, de autoria da psicóloga Ellen Senra, conta a história de um menino que não gosta de tomar banho, porque considera chato e o faz perder tempo para brincar e comer as guloseimas preparadas pela avó.

Entretanto, com o tempo, ele aprende que tem muito mais a ganhar se seguir sua rotina higiênica, podendo inclusive divertir-se na hora do banho.

‘O quarto de Carla: Ensinando organização para as crianças’, escrito pela psicóloga Aline Niemeyer, narra a história de uma menina que enfrenta a bagunça do seu quarto e busca a solução com a ajuda de sua mãe e de uma amiga.

Por meio de métodos didáticos e lúdicos, visa auxiliar a garotada a ter seus quartos organizados. Valores como desapego de coisas materiais, solidariedade e amizade também são trabalhados.

RELOGINHO E ADESIVOS

Por sua vez, o ‘Reloginho tá na hora de quê?’, criado pela psicóloga Juliana Martins, foi desenvolvido para dar mais autonomia para a criança e ajudar os adultos na organização da rotina diária da casa. A ideia é colocar as atividades do dia no horário em que a criança deve iniciar uma ação, assim ela pode verificar que, quando o ponteiro chegar ali, é hora de alguma coisa.

Para faixas etárias que variam dos 3 aos 8 anos de idade, inclui atividades como café da manhã, almoço, janta, hora de dormir, de escovar os dentes, dormir, trocar de roupa, arrumar a mochila, de ir para a escola, de fazer o dever de casa e de usar equipamentos eletrônicos.

E os ‘Adesivos sinalizadores das atividades’, que identificam o local e as tarefas a serem desenvolvidas pelas crianças na rotina diária, também podem ser utilizados como recursos. Com desenhos para meninos e meninas, tornam mais fácil a compreensão e a execução dessas atividades.

O Kit Organizando a rotina na infância, que contém as publicações, está disponível no portal Toctoctoc – Saúde emocional da família em sua porta.

Deixe um comentário

Seu comentário será moderado antes de ser publicado.

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados com *