fechar

O que é ter saúde mental?

  • 27 de Maio de 2020
  • Postado por: admin

Você sabe o que é ter saúde mental? A Psicologia Positiva nos ensina a compreender o lado saudável e a importância de se olhar o lado saudável, o lado positivo. Nesse contexto, estudos já apontam que saúde mental não é ausência de doença mental, mas sim um estado de bem-estar.

Nesse estado de bem-estar, as emoções negativas existem sim, mas em escala menor. Além disso, o indivíduo também possui capacidade para utilizar suas capacidades de modo pleno e conseguir lidar com os estresses diários através de repertórios construtivos.

Aquele que possui saúde emocional contribui de modo construtivo e produtivo na comunidade. Isso se dá porque as relações pessoais estão completamente conectadas ao bem-estar.

Transição do estado mental negativo para o positivo

Agora, quero abordar outro fator importante: a transição de um estado mental negativo (um estado ansioso, por exemplo) para um estado de neutralidade e, após, para um estado positivo (construção da felicidade).

Muitas vezes, pensamos que é fácil deixarmos a tristeza de lado e sermos felizes. Mas não é tão simples assim.

Um indivíduo que se encontra no estado mental negativo não passa diretamente ao positivo. Existe a fase do meio: o estado neutro. Quem está no primeiro estado mental é afetado por emoções predominantemente negativas. Os pensamentos giram em torno desses sentimentos ruins, e a pessoa tem a certeza de que nunca vai melhorar, de que nunca nada vai dar certo.

A correção de pensamentos negativos leva ao estado neutro e, assim, o indivíduo começa a ter emoções mais positivas, apesar de ainda sentir aquelas emoções desagradáveis. O pensamento de que nada vai dar certo muda, e a certeza de que nunca irá melhorar vira uma dúvida:

“Será que vou melhorar?”
“Eu acho que estou melhorando”.

Lentamente, avança para o estado mental positivo, no qual consegue lidar com os sentimentos ruins e as emoções positivas são predominantes. Tudo acontece de forma gradual, e o importante é ter paciência e força para passar pelas fases.

Este texto foi escrito pela psicóloga Miriam Rodrigues e publicado originalmente aqui.

Deixe um comentário

Seu comentário será moderado antes de ser publicado.

Seu endereço de e-mail não será publicado.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *